Da redação

Método 5s propõe um emagrecimento saudável e reeducação alimentar, práticas que melhoram o estilo de vida e promovem o bem-estar

© Fornecida por divulgação

A diabetes é uma doença que atinge diversas pessoas. Estima-se que 8,9% dos brasileiros possuem diabetes, que é uma doença que surge devido as altas taxa de açúcar contida no sangue.

A insulina é um hormônio necessário para quebrar a glicose do sangue e quando o pâncreas não consegue mais produzir a quantidade de insulina que o organismo necessita, a pessoa desenvolve a diabetes.  Entre os sintomas estão alteração visual, fadiga e náuseas. As pessoas com maior risco de adquirir a doença são as obesas, sedentárias, hipertensas, com mais de 40 anos e com elevadas taxas de colesterol.

Um dos principais fatores de risco da doença é o sobrepeso

Por isso, é fundamental cuidar da saúde e manter uma dieta adequada.

O Método 5S pode ajudar nesse processo, pois, além do emagrecimento, também promove mais qualidade de vida.

Emagrecimento e o Método 5S

Acredita-se que uma das principais causas do crescimento da diabetes seja o estilo de vida do brasileiro. Nos últimos dez anos o número de diabéticos no Brasil cresceu 61,8%, muito em função do estilo de vida carregado de estresse e má alimentação.

Não há uma cura definitiva para o problema, mas ela pode ser controlada através da alimentação. Uma boa forma de ajudar no tratamento é o método 5S, que orienta uma restrição na ingestão de carboidratos, contribuindo, consequentemente, para o controle da glicemia.

O método 5S estimula o emagrecimento saudável, promovendo a perda de gordura, a preservação de massa magra e o resgate do peso ideal, renovando a saúde, a autoestima e o bem-estar. Em função de todos esses benefícios, o método é altamente indicado para os diabéticos.

Existem 3 importantes etapas no método 5S que é perda de peso, manutenção e reeducação. A fisioterapeuta dermatofuncional Dra. Andressa Moraes afirma que isso promove um emagrecimento rápido e saudável “Essas fases irão gerar a reprogramação hipotalâmica, que acontece por ação anti-inflamatória dos suplementos e alimentos e pela reeducação dos hábitos de vida diários como o controle do peso e autoconhecimento”, aponta.

Desde que a doença esteja controlada, o método é indicado para todos os tipos de diabetes. A associação do método 5S com atividade física é um fator fundamental, tanto na prevenção quanto no tratamento da diabetes, desde que praticada de maneira regular e moderada.

Outro ponto importante é o acompanhamento diário que o método traz. A Dra. Andressa Moraes destaca a importância desse acompanhamento para os diabéticos. “O acompanhamento diário, irá gerar um autocontrole e uma disciplina ao paciente, que muitas vezes acabam se sabotando e não conhecendo seus maus hábitos alimentares”, explica.

Contraindicações
 
O método 5S é contraindicado para pacientes em tratamento de câncer, hipertensos, diabéticos descompensados, pós-bariátrico imediato e pacientes psiquiátricos.

Hepatite C

Segundo informações recentemente divulgadas pelo Estadão, pessoas com Hepatite C tem mais chances de desenvolver diabetes. Estudos realizados a partir dos anos 2000 nos Estados Unidos alertam para a relação dessa Hepatite C com o desenvolvimento da diabete tipo 2. O vírus da hepatite C é capaz de interferir na ação da insulina e modificar suas ações e a bloqueia, com isso a diabete pode ser desenvolvida. Um dos estudos feitos nos EUA mostrou que pessoas já diagnosticadas com hepatite C tinham quatro vezes mais chances de ter diabete tipo 2 do que aquelas que nunca tiveram contato com o vírus.

Dra. Andressa Moraes: Pós-graduada em Fisioterapeuta Dermatofuncional Especialização em acupuntura, com  formação Internacional em Drenagem Linfática pela Escola Leduc e também pela Escola Godoy & Godoy, além de formação Internacional em Diplomatura em Fisioterapia Dermatofuncional, realizada no Chile. É graduada em Fisioterapia pela Faculdade Integrada de Santa Fé do Sul – Funec Fisa (2004). Atuou como Coordenadora do Setor de Fisioterapia da Prefeitura Municipal de Pederneiras, de 2005 a 2012. Atualmente, é Proprietária da clínica Espaço Andressa Moraes, desde 2005, e Diretora na empresa Moraes & Tartari – Distribuidora e Cursos, desde 2016. Também é Especialista em Acupuntura.

* Dra. Andressa Moraes, Fisioterapeuta Dermatofuncional e Acupunturista


 

R7 TORPEDO - DE OLHO NA MÍDIA
Gostou disso? Compartilhe!